sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Não se pode elogiar...

Olha só o que me aconteceu: fui fobar que não sentia nada com a quimioterapia e um virusinho besta de gripe me trouxe de volta ao hospital! Eu não sou de me deixar derrubar por besteira, não. Mas é que essa gripezinha safada vem me atormentando há dias. Hoje acordei com febre e meus pais acharam melhor correr comigo pro hospital. Quando eu digo correr, é correr mesmo, porque nem meu pijama minha mãe me deixou trocar. Imagina aí o mico? Logo de manhã queo o ambulatório de pediatria é lotada de gatinhas!
Quando chegamos ao hospital começou de novo a sessão tortura, com a tropa de branco, mas agora elas estão mais comedidas, parece que perderam o interesse em me furar. Afinal, a dra. Clara descobriu que eu tô com uma pneumonia no pulmão direito e que é melhor eu ficar aqui no hospital de novo pra tomar uns remedinhos e fazer fisioterapia e etc, porque eu passei a tarde toda molinho de febre.
Então aqui estou eu, de novo, vestindo meu pijama dos Power Rangers e esperando o rango da noite chegar.

3 comentários:

Tamar disse...

Grande guerreiro,

Coitado desse virusiho aí... deixa só você acordar dessa molezinha aí, pegar aquele rango que vai te deixar mais fortão ainda para ver o que vai acontecer com ele. Vai sair mansinho, mansinho,com o rabinho entre as pernas para aprender a não se meter a besta com guerreiros como você, um legítimo filho do deus-sol Guaraci...
E sabe o que vai acontecer? Você vai ficar mais forte ainda e vai mandar rapidinho o monstro caranguejo para o beleléu, que é o lugar de onde ele nunca deveria ter saído!
Porque, sabe, me disseram que os grandes guerreiros, os vencedores, são os que têm uma mãe forte, corajosa, bacana e esperta, um pai legal e carinhoso pra caramba, irmãos briguentos (eles são assim, porque sabem lutar bem, sabia?) e um monte, um montão mesmo, de amigos. E aí eu disse que sabia de quem eles estavam falando: era de um menino lindo, de 1 ano e 4 meses, que não tem medo de injeção nem de quimioterapia... era de você, Guerreiro Antonio!

Beijos, beijos, beijos...

Tamar
(uma tia-amiga que está pronta para lutar com você nessa batalha, não importa o dia nem a hora...é só você mandar um sinal!)

Thalita disse...

Acho que a Tia Tamar já disse tudo.

Assino embaixo

beijos muitos

Pat disse...

Oi, Antonio! Fiquei imaginando você de pijaminha dos Power Rangers, que gatinho! Como você está? A tia Rita manda beijos! Beijinhos!